PRÊMIO SANTANDER CIÊNCIA E INOVAÇÃO 2012

6 11 2012

A busca por fontes alternativas de energia, que em suma tem como principal finalidade, além é claro da própria geração de energia, que pode ser térmica, elétrica ou na forma de combustíveis para transporte, pode estar diretamente relacionada com a mitigação de impactos ambientais. Biomassas como resíduos agrícolas ou em nosso caso plantas aquáticas do tipo aguapés, que são consideradas plantas invasoras, podem tornar-se uma fonte promissora para a produção de biocombustíveis de 2ª geração. Este é o foco do projeto que vem sendo desenvolvido pelo Grupo de Pesquisa em Petróleo e Energia da Biomassa – PEB do DQI-UFS, que hoje tem financiamento do CNPq/CAPES, e envolve ainda pesquisadores do IQ-UFRGS e o IQ-USPSC, e mais recentemente contribuições do DQ-UFPR. A proposta mostra-se tão alinhada com a busca de fontes renováveis de energia, que hoje o trabalho intitulado “Produção de biocombustíveis de 2ª geração através da conversão térmica de biomassa de aguapés”, teve mais uma vez seu mérito reconhecido, sendo classificado entre os 36 semifinalistas do Prêmio Santander Ciência e Inovação 2012. Este reconhecimento vem incentivar a continuidade e dar motivações em desenvolver projetos que busquem a sustentabilidade, e que ainda proporcione a formação de recursos humanos sensibilizados para o tema.

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: